Pular para o conteúdo principal

Barnes reclama de Gundy

A derrota para o Atlanta Hawks pode ter causado alguns problemas ao Orlando Magic. Além do impacto de perder para um concorrente direto as vésperas do playoff, o jogador Matt Barnes deixou a quadra frustrado com o treinador Stan Van Gundy.

O especialista defensivo Matt Barnes deixou a partida diante do Atlanta Hawks frustrado com o seu aproveitamento pelo técnico Stan Van Gundy. Barnes jogou apenas três minutos no período decisivo do jogo.

Durante os segundos finais o jogo ficou com o relógio travando por conta das faltas. O treinador do Magic optava por deixar Barnes em quadra apenas nas faltas para o Atlanta Hawks. Quando a posse de bola era do Magic, Gundy mandava J.J. Redick para a partida.

Irritado, Matt Barnes reclamou após o jogo: “Obviamente, ele não confia em mim para os momentos decisivos."
O ala de 29 anos tem 8.9 pontos por jogo de média. Barnes ainda contribui com 5.6 rebotes.


minha opinião: Eu vi que o Barnes não percebeu que o Redick tem muito mais capacidade de acertar chutes de 3 do que ele, porém o Barnes é bem defensivo e não é ruim de 3. Foi um vacilo não ter colocado o Barnes no final do jogo todo, se o Barnes tivesses em quadra no último segundo iria ter mais um para tentar pegar o rebote defensivo e a história poderia ser diferente do que foi a de ontem.

Comentários

Fiel disse…
Eu tb acho que o Barnes é muito importante especialmente defensivamente e provavelmente com ele em quadra o Joshao teria mais trabalho, mas nao que isso seria fundamental.

Da pra entender a ideia do Stan tb, realmente o JJ é muito quente e sangue frio para meter bolas de 3. Certo que na NBA ele esta em sua melhor season e mesmo assim nao é o cara pra decidir jogos, mas o que esse cara ja passou de pressao na NCAA pqp !

Tem um artigo muito interessante na ESPN sobre o Stan, deem uma olhada se quiser: http://www.nba.com/2010/news/features/s ... van.gundy/
João Inácio disse…
vlw fiel!!! eu tive essa mesmo pensamento....mas fiquei com umpouco de preguiça de comentar tao detalhado e tambem eu nao sei escrever tao bem(da para perceber)

Postagens mais visitadas deste blog

Metas individuais do jogadores do Orlando Magic

Malik Allen: ''Eu tento manter meu corpo em sintonia, quero o melhor para ele. Todo dia venho para a arena focado para jogar e com a mente limpa, tentando melhorar a cada dia".
Ryan Anderson: ''Meu objetivo individual é ficar melhor na defesa, ficar mais confiante e consistente".
Gilbert Arenas:"Jogar de maneira inteligente e forte, isso basta".
Brandon Bass:"Quero ser capaz de cada jogo me olhar no espelho e dizer, eu dei tudo de mim".
Earl Clark: "Quero ser produtivo em quadra, e um bom companheiro para os outros membros da equipe".
Chris Duhon: "Para mim se todo partida eu puder jogar bem no ataque e na defesa, é isso que eu quero".
Dwight Howard: "Ganhar um campeonato, é isso".
Jameer Nelson: "Acredito que hoje em dia estou jogando um bom basquete, e quero continuar assim, bem comigo mesmo e elevar meu jogo a outro nível".
Daniel Orton: " Continuar concentrado em reabilitar meu joelho e vir com tud…
Pessoal esse final de semana foi regularizar as postagens do blog. Postarei o resultado das ultimas partidas, o resumo completo do AllStarWeekend e a atualsituação do Orlando Magic na temporada. Não deixem de acompanhar o blog e também de visitar a nossa comunidade no Orkut.

Att Equipe Orlando Magic Brasil

Orlando Magic 102 x 107 L.A Clippers

No dia 06 de Fevereiro o Orlando Magic recebeu em casa o Los Angeles Clippers, o time da Florida vinha de três vitorias seguidas e tudo indicava que mais uma estava por vir, mas não foi bem assim. Em uma partida super disputada com direito a "overtime" o Orlando levou a pior no tempo extra e perdeu por 107 x 102.
Chris Paul foi decisivo para a vitoria de LA, o armador marcou 27 pontos, pegou 7 rebotes e deu mais 8 passes para a cesta. Para o Orlando Magic Dwight Howard anotou 33 pontos e mais 14 rebotes. Os arremessos da linha de falta para o time visitante foi outro fator que contribuiu muito para a vitoria, dos 25 arremessados somente três foram erros.
Também destaque do time de Los Angeles Blake Griffin com 18 pontos e 10 rebotes e Billups com 18 pontos 3 rebotes e 3 assistências. Para Orlando Jason Richardson contribuiu com 20 pontos e Jamer Nelson com 15 pontos e 12 assistências.